Museu de Cera do Memorial da Devoção de Nossa Senhora inaugura estátua de Dom Darci

quarta-feira, 21 de dezembro de 2016



O Museu de Cera de Nossa Senhora Aparecida colocou em exposição, nesta segunda-feira (19/12), a estátua em homenagem Dom Darci José Nicioli, atual arcebispo de Diamantina (MG).

Em Aparecida (SP), Dom Darci ficou famoso por seu intenso trabalho em prol do desenvolvimento do Santuário Nacional, onde foi Ecônomo, de 1997 a 2005. Ficou um período em Roma, mas retornou em 2008, para assumir o cargo de Reitor. 

Quatro anos depois, em 2012, foi nomeado, pelo Papa Bento XVI, Bispo Auxiliar da arquidiocese de Aparecida, onde ficou até março de 2016, quando foi então nomeado Arcebispo de Diamantina, em Minas Gerais.

No período em que esteve a frente da administração do Santuário foi responsável por projetos importantes como a criação da Campanha dos Devotos e a construção do próprio Museu de Cera, onde agora passa a ser homenageado ao lado de outras personalidades como os Papas João Paulo II, Bento XVI e Francisco.

Biografia
Nascido em 1959, em Jacutinga (MG), Dom Darci José optou pela vida religiosa aos 13 anos, quando ingressou no Seminário Santo Afonso, em Aparecida (SP). Foi ordenado padre em sua cidade natal e logo depois, foi para Roma, onde cursou Teologia Dogmática no Pontifício Ateneu Santo Anselmo. De volta ao Brasil, exerceu inúmeros serviços na Província Redentorista de São Paulo.

De 1997 a 2005, trabalhou como ecônomo do Santuário Nacional de Aparecida, período em que idealizou e criou a Campanha dos Devotos. Em 2005, retornou a Roma na função de Reitor da Casa Geral da Congregação do Santíssimo Redentor e do Santuário Internacional de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro.

Em dezembro de 2008, foi nomeado reitor do Santuário Nacional. No dia 14 de novembro de 2012, foi nomeado pelo Papa Bento XVI Bispo Auxiliar de Aparecida. Em abril de 2015, foi eleito Presidente da Comissão Episcopal Pastoral para a Comunicação da CNBB. No dia 9 de março deste ano, foi eleito Arcebispo de Diamantina (MG), onde tomou posse no dia 22 de maio, na Catedral de Santo Antônio.

A arte na cera
O Museu de Cerado Memorial da Devoção Nossa Senhora Aparecida é um empreendimento do Santuário Nacional, em parceria com grupo Dreams, que possui museus de cera nas cidades de Gramado-RS, Foz do Iguaçu-PR e em Cancun, no México.

O empreendimento fica no pátio do Santuário Nacional, ao lado do Centro de Apoio aos Romeiros, em umespaço, de aproximadamente seis mil metros quadrados. São 66 estátuas em tamanho natural, distribuídas em 20 cenários, que recriam os principais acontecimentos relacionados à Imagem da Santa, que hoje é venerada por milhões de devotos no Brasil e no mundo.  

As estátuas, feitas em tamanho natural, foram produzidas por ateliês especializados e retratam com realismo: santos, papas, reis, presidentes, religiosos e alguns nomes contemporâneos.

O acervo reúne figuras como Dom Pedro I, Princesa Isabel, Getúlio Vargas, Madre Paulina, Frei Galvão e os Papas João Paulo II, Bento XVI e Francisco, entre outros nomes. Também há devotos famosos, como o ex-jogador Ronaldo Fenômeno e o astronauta Marcos Pontes.

O funcionamento é de segunda a sexta-feira, no horário das 9h às 17h, aos sábados, das 8h às 19h, e aos domingos e feriados, das 8h às 18h. Consulte preços e promoções pelo telefone (12) 3104-3536.
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial
 
Copyright © 2015. Portal Lagoinha | De Lagoinha para o Mundo.
Design by Herdiansyah Hamzah. Published by Mais Template.
Creative Commons License